Núcleos de Pesquisa – Inscrições prorrogadas

Os Núcleos de Pesquisa do Galpão Cine Horto foram criados para fortalecer o espaço de investigação teórico-prático em diversas áreas de conhecimento da criação cênica e artística, e promover o intercâmbio entre artistas, estudantes e pesquisadores. Saiba mais sobre os Núcleos de Pesquisa.

 

INSCRIÇÕES

Nesse semestre serão ofertadas turmas em Direção, Iluminação e Jornalismo Cultural.

As inscrições foram prorrogadas e podem ser feitas até: 15 de agosto através dos links abaixo. 

Os resultados serão divulgados aqui no site do Galpão Cine Horto e as matrículas podem ser realizadas de 16 a 19 de agosto.

Veja abaixo as informações:

 

NÚCLEOS DE PESQUISA EM DIREÇÃO

Coordenação: Raquel Castro

Dias e Horários: toda sexta-feira, de 19h às 22h

Período do curso: 18/08 a 24/11

Investimento: R$ 555,00 (3 x 185,00 no cheque sem juros ou no crédito com 10% de acréscimo)

Inscrições: https://goo.gl/forms/JMPya8VflbnYVnHz1

SOBRE:Em sua primeira edição, o Núcleo de Pesquisa em Direção nasce do desejo de possibilitar a troca junto a grandes diretores da cena atual e suas poéticas teatrais, no intuito de desenvolver uma percepção abrangente e crítica das diversas possibilidades da encenação contemporânea. A trajetória da pesquisa dentro do Núcleo será conduzida pela professora e diretora Raquel Castro — com foco na encenação em espaços urbanos — e mensalmente os diretores convidados desenvolverão encontros imersivos, possibilitando ao participante um formato de pesquisa baseada na diversidade de experiências e abordagens metodológicas em direção teatral.

CONTEÚDO: Fundamentos da Direção Teatral. As vozes da encenação. Composição e Montagem. Princípios, procedimentos e matrizes de construção no plano da encenação. Etapas do processo de criação. A encenação no espaço urbano. Espaço, jogo, teatralidade, performatividade e a irrupção do real na cena. A Partitura da Encenação: ensaios para uma escrita da cena. Serão realizados, nos meses de setembro, outubro e novembro, encontros com renomados diretores da cena teatral brasileira.

CURRÍCULO: Diretora, atriz e professora de teatro. Doutoranda e mestre em Artes da Cena na UFMG, desenvolve pesquisa sobre os princípios e procedimentos musicais no teatro de Meierhold, artista russo considerado “o inventor da encenação”. Foi pesquisadora júnior associada ao Centro de Pesquisa Eur’ORBEM Universidade Paris-Sorbonne/CNRS (Paris) no eixo “Artes e Transculturalidade”. Como professora substituta do TU/UFMG ministrou disciplinas nas áreas de História do Teatro, Interpretação e Montagem. Atualmente é professora de Interpretação nos cursos de Bacharelado e Licenciatura em Teatro na UFOP. Atuou nos espetáculos “Delírio & Vertigem”, “O que você foi quando era criança?”, “As Grandes Lonas do Céu”. Entre os espetáculos que dirigiu estão: “Nossa Senhora [do Horto]”, “Guerrilha”, “Eles Também Falam de Amor” e “Rosinha do Metrô”.

WORKSHOPS COM DIRETORES CONVIDADOS:

  • Cida Falabella
  • Zé Walter Albinati
  • Márcio Abreu

 

NÚCLEO DE PESQUISA EM ILUMINAÇÃO

Coordenação: Rodrigo Marçal

Dia e horário: toda terça-feira, de 19h às 22h

Período do curso: 29/08 a 21/11

Investimento: R$ 555,00 (3 x 185,00 no cheque sem juros ou no crédito com 10% de acréscimo)

Inscrições: https://goo.gl/forms/jiSQY6L4fa0xlAFr2

SOBRE: A luz cênica tem por objetivo e função primordial revelar os movimentos, formas, cores, texturas de cenários, atores, bailarinos e da própria luz. Porém, ela não apenas revela, mas revela de inúmeras maneiras. O núcleo realizará encontros teóricos e práticos, abordando os elementos básicos do trabalho técnico e artístico da iluminação cênica. O núcleo tem por objetivo apresentar as grandezas da iluminação, suas formas e possibilidades básicas e trabalhar exercícios práticos de montagem, afinação e programação de mesa , com apresentação de equipamentos utilizados nos teatros e sua experimentação. Além disso, o curso promoverá o contato com a documentação do projeto de luz (mapas, planilhas, roteiros).

CONTEÚDO: História do Teatro e da Iluminação; Fundamentos da Luz; O olho humano; Cores; Lâmpadas; Elétrica, potências e medidas; Equipamentos; Ferramentas digitais; Documentação;

BREVE CURRÍCULO: Rodrigo Marçal (33) é formado em Teatro no centro de formação artística da Fundação Clóvis Salgado – Palácio das Artes de Belo Horizonte, Brasil. Teve aulas com os cenógrafos Raul Belém Machado e Inês Linke e com os Iluminadores Marcelo Miagui, Telma Fernandes e Leonardo Pavanello com quem também trabalhou como assistente em peças de teatro, óperas e espetáculos de dança.  Ganhou os prêmios de melhor Iluminador Teatro Infantil do FETO – BH 2006 (“Putz, a menina que buscava o sol”) e o Usiminas SINPARC/MG de melhor iluminação em Dança de 2009 (“Dolores” – Mimulus Cia de Dança) e 2010 (“Por um Fio” – Mimulus Cia de Dança) e o COPASA/SINPARC de melhor iluminação Teatro Adulto 2013 (“Em louvor à vergonha – Diego Bagagal). Além das indicações ao USIMINAS/SINPARC de melhor iluminação em Dança 2012 (“Entre” –  Mimulus Cia de Dança) e o COPASA/SINPARC de melhor iluminação Teatro Adulto 2016 (“Ignorância” – Quatroloscinco Teatro do Comum). Atualmente é coordenador técnico do Grupo Galpão. Como Lighting Manager esteve em diversos teatros do Brasil, da Espanha, França, Estados Unidos, Finlândia, Bélgica, Itália e Canadá. Fundador da BROW Iluminação, trabalha como Iluminador e técnico em iluminação cênica com cia.´s de dança, grupos de teatro, músicos, performers e artistas plásticos. 

 

NÚCLEO DE PESQUISA EM JORNALISMO CULTURAL

Coordenação: Carol Braga

Dia e horário: todo sábado, de 09h30 às 12h30

Período do curso: 19/08 a 25/11

Investimento: R$ 360,00 (3 x 120,00 no cheque sem juros ou no crédito com 10% de acréscimo)

Inscrições: https://goo.gl/forms/gX2FgvLGFYTe7iI82

SOBRE: O curso trabalha o desenvolvimento de uma consciência crítica e criativa em torno da cobertura jornalística voltada para as artes, tanto em uma perspectiva analítica quanto prática.

CONTEÚDO: O Núcleo de Pesquisa de Pesquisa pretende despertar a sensibilidade do aluno para as especificidades do jornalismo cultural. Estarão em discussão conceitos teóricos norteadores das práticas jornalísticas na contemporaneidade para o desempenho das atividades envolvidas em uma editoria de cultura. Serão discutidos temas como tendências em jornalismo contemporâneo, suas aplicações à cultura, crítica de cinema, crítica de teatro e jornalismo cultural on-line.

CURRÍCULO: Carolina Braga é doutora em Comunicação e sociabilidade contemporânea pela Universidad Autónoma de Barcelona em convênio com a UFMG, mestre em Jornalismo e novas linguagens também pela Universidad Autónoma de Barcelona e pós-graduada em Crítica de música pop e cinema pela Universidad Ramon Llull, de Barcelona. É jornalista cultural desde 2001, editora do Culturadoria com experiências na Rádio Guarani, TV Alterosa e atualmente repórter e crítica do caderno de cultura do Jornal Estado de Minas. Colaborou com veículos como Revista Bravo e Correio Braziliense. Foi correspondente internacional entre 2006 e 2008, tendo trabalhado na cobertura de festivais internacionais como o de cinema de Cannes (2007 e 2008) e Roterdã (2007). É professora do Centro Universitário de Belo Horizonte, UNI-BH.  Autora da tese A crítica jornalística de cinema na internet: um dispositivo em transformação.

 

Categoria: Notícia Capa, Notícias | Assuntos:

Cadastre-se em nossa newsletter

E-mail*

Entre em contato

Rua Pitangui, 3613, Bairro Horto
Belo Horizonte - MG - Brasil - CEP.: 31030-065

+55 31 3481-5580

contato@galpaocinehorto.com.br

Horário de Funcionamento

Segunda a sexta das 9h às 22h, sábado das 9h às 17h e domingo das 15h às 21h.
Bilheteria – Aberta sempre 2h antes das apresentações.
Centro de Pesquisa e Memória do Teatro (CPMT) - segunda a sexta das 14h às 19h

Como Chegar