Sabadão: Resistência, Experimentalismo e Carnavalização no Teatro Brasileiro

No último sabadão do semestre vamos debate sobre o panorama histórico, social e artístico do teatro moderno e contemporâneo, de modo recortado, e suas reverberações na contemporaneidade. Contextualizaremos o período da vanguarda européia e do modernismo brasileiro. Mudanças de paradigma na arte moderna e contemporânea. A exposição enfoca o Teatro Brasileiro do século XX e XXI.

Vai ter uma discussão dinâmica por meio de leitura dramática de trechos selecionados de três dramaturgias brasileiras: O Rei da Vela, de Oswald de Andrade, Vestido de Noiva, de Nelson Rodrigues, Apocalipse, 1,11, de Fernando Bonassi e Vertigem, e exibição de vídeos sobre o assunto.

Tudo isso ministrado pela diretora e dramaturga Letícia Andrade, que também é atriz e professora de Teoria da Encenação na Universidade Federal de Ouro Preto. Mestre em Teoria Literária, pela Faculdade de Letras e doutora em Artes, pela Escola de Belas Artes na UFMG. Escreveu mais de quinze textos teatrais em BH/MG e Ribeirão Preto, São Paulo, tais como “Estamos trabalhando para você”, “Medeiazonamorta”, “Cara Preta”, “Arriscamundo” e “Prato do dia”. Dirigiu “Soterramento”, em Ribeirão Preto, “Estranhos”, em Aracaju e “Ressuscitações”, em Ouro Preto e coordena, junto com Aline Andrade, o grupo de pesquisa teatral e de audiovisual Midiactors.

saiba mais sobre a palestrante: www.narrativadacena.blogspot.com

 

SERVIÇO

Sabadão: Resistência, Experimentalismo e Carnavalização no Teatro Brasileiro

Data: 10/06/2017

Horário: 10h00

Local: Cinema do Galpão Cine Horto (R. Pitangui, 3613 – Horto)

Entrada Gratuita | Classificação Livre

Data: 10/06/2017
Horário: 10h00
Ingresso: Entrada gratuita
Classificação: Livre
Categoria: | Assuntos:

Cadastre-se em nossa newsletter

E-mail*

Entre em contato

Rua Pitangui, 3613, Bairro Horto
Belo Horizonte - MG - Brasil - CEP.: 31030-065

+55 31 3481-5580

contato@galpaocinehorto.com.br

Horário de Funcionamento

Segunda a sexta das 9h às 22h, sábado das 9h às 17h e domingo das 15h às 21h.
Bilheteria – Aberta sempre 2h antes das apresentações.
Centro de Pesquisa e Memória do Teatro (CPMT) - segunda a sexta das 14h às 19h

Como Chegar